segunda-feira

Azores Trail Run 2017 - dia 4 e 5, reconciliação e o que é bom acaba depressa



Eu e o Filipe nos No Tomorrow.
Duas desistências em 24 horas de clube.
Já temos um slogan,
"No more, No Montemorrow"


Foi esta a mensagem que recebi do Luís Lobo no sábado à noite (depois da prova), mensagem que entendi como um pedido de ajuda de duas almas desesperadas e profundamente arrependidas por terem ido na conversa dos NT, principalmente das meninas deles (como vos compreendo, não é fácil dizer que não). Como não sou de ressentimentos e até gramo um bocadito os dois cromos em questão, arregacei as mangas e em vez de ir para o Peter's para os copos estive a noite toda a analisar os contratos que eles assinaram para ver se havia alguma forma de os recuperar legalmente. Não havia ... só me restava uma forma ... tinha ainda um trunfo na manga, um que nunca pensei ter que usar, mas que a situação em questão me obrigava a recorrer ... que medo.

.. pelo menos o dia estava bonito ...

No dia seguinte, logo após o pequeno-almoço, reuni toda a família Montemorrow (ou lá como se chamam) no hall do Hotel e comecei por ler a mensagem acima para os por ao corrente do que se estava a passar (por acaso deu-me um gozo enorme, não sei porque mas detesto ter sempre razão). Comecei por apelar ao sentimento, dizer que os dois arrependidos estavam inconsoláveis, que choraram baba e ranho toda a noite e que estavam deprimidos, não queriam sair do quarto e que ameaçavam matar-se. Acham que adiantou alguma coisa? Nada de nada ... estes Montemorrow são duros como pedras e não se comoveram nem um segundo - disseram "são nossos até morrer" ... ok, querem jogar duro? Vamos a isso ...

"Então ... e se ... vos deixássemos devolver o Américo?"

Ainda não tinha acabado a frase já estávamos a rasgar os contratos, os Montemorrow em grande festa e eu um bocado pró deprimido ... o Américo de volta aos Pernetas!!! É a nossa sina ... e nem negociei a devolução dos 20 garrafões de verde tinto de Castelo de Paiva ... paciência ... importante é que o Lobo e o Fontes estavam de volta aos Pernetas e ao CAL. Hei-de conseguir enfiar o Américo a outra equipa qualquer ;)

... "O Américo de volta aos Pernetas???" ...

Ainda assinamos um pacto de não agressão ... acabaram-se os assédios aos atletas de ambas as equipas, os Pernetas manter-se-ão Pernetas e os Montemorrows manter-se-ão Montemorrows ou lá como se chamam (que raio de nome ... enfim). E para comemorar ainda tivemos que aceder em ir passear todos juntos pelo Faial, conhecer a Ilha ... digamos que fui um bocado pró contrariado, pq eu nem gosto de passeios e aquela malta é muito sisuda, mas fui .... e foi assim ....



filho, mãe, pai e tio 


ó pra eles todos contentes ... o vosso presidente vitalício nunca vos deixa ficar mal 
 


dentro do carro a coisa foi sempre muito séria ...  

De longe a longe precisava de um tempo só para mim ... não são fáceis de aturar

não acreditam? ...olhem para isto ...
video


... e fomos a banhos ... que boa que estava :) 

banhos dá fome ...era pra ser mas não foi ...

E escolha recaiu neste ... 

já percebi como se vai ao pódio nos 70km ... 

tudo muito sisudo ... para isto mais valia ter ficado em casa 

depois do almoço as pazes entre Pernetas e Montemorrows estava feita ... nada de ressentimentos

da parte da tarde jogava o Guimarães na final da taça ... houve quem quisesse ir ver o jogo, houve quem fosse dormir e houve quem continuasse a visitar a Ilha
 







e como prova que não há ressentimentos ... quem é que tira fotos catitas aos Montemorrows ou lá como se chamam, quem é? 









Confesso que foi um dia bem passado ... pelo que ouvi dizer, a malta que ficou pela Horta durante a tarde tb não deu o tempo por mal empregue. Houve futebol, copos (muitos), novas amizades e como são muito religiosos até participaram na procissão da N.Sra.da Agonia .... ouvi dizer, fala-se num vídeo caseiro que anda a circular na net mas eu ainda não vi nada (mas gostava muito de ver e postar aqui - mas era capaz de ser morto)

À noite, já com uma certa nostalgia de quem no dia seguinte vai embora fomos jantar um peixinho, animar a festa da Sra.da Agonia que já tinha acabado e terminar a noite despedindo-nos do Peter's ...

todos contentes .... safaram-se de boa ... estes aprenderam a lição ... 


à patrão ....  correr tá quieto , mas copos ... ui ui

colegas de escola ... na mesma carteira ... lol 

No dia seguinte a coisa estava tristonha .... o tempo acompanhava aquele sentimento de coração apertado de quem não queria vir embora ... isto passou muito rápido. A manhã foi passada no que sabemos fazer melhor .... beber uns copos...

... acabar uma prova? Tá quieto ...

o Fábio vai dar gente depois destes dias com os Pernetas ... 


tempo tristonho ... 

... voltamos ao Peter's ... tinha um objectivo para cumprir ... 

e cumpri ... ;) 

Depois foi voltar a casa, voo para Lisboa, de carro para Santa Maria da Feira onde cheguei são e salvo já era 3ª feira

olha o Pico, agora de perto ... falta-me subir ali ... ainda o vou fazer ... escrevam ... 

não chora!!!! 

ó Perneta ... deixa lá ... olha pensa bem, amanhã vais trabalhar!!! 


Resumindo, foram 5 dias espectaculares ... a corrida voltou a ser a desculpa ideal para uns dias de diversão com amigos. Diverti-me à brava, aproveitei para conhecer mais um bocadinho e ainda corri uma ultra que não me defraudou nadinha - e a bitola estava bem alta.

Um abraço grande a todos os meus Pernetas (Lurdes, Fontes, Lobo, Joel, Sergio e Jorge), aos Montemorrows (Ana, Raquel, Dora, Paulo, Rui, Zé e Pedro), ao Fábio e à Sónia - um grupinho que se juntou ali naquela ilha e que fez com que tudo fosse assim como foi - pétaculo!!! Obrigado!!!


8 comentários:

  1. Comeste o melhor e mais barato cozido do mundo, acho que isso é a coisa mais importante a reter desta viagem :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por acaso decidi-me por um prato alternativo de atum que tb estava muito bom. Mas este cozido (de que não sou grande adepto)é mais conhecido do que sei lá o quê, e a um preço imbatível.
      Abraço

      Excluir
  2. Pétaculo!!! :)

    Os Açores são lindos e isso ficou bem registado fotograficamente.

    Ainda bem que houve reconciliação... :)

    Só fiquei na dúvida se chamaram a polícia ou não como a canção clamava.

    Enfim, e resumindo, mais excelentes memórias para o teu baú de recordações :)

    Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tantas fotos que ficaram por publicar ... os Açores são lindos efectivamente.
      Foi uma viagem em grande :)
      Aquele abraço

      Excluir
  3. Bem, que relato incrível! Antes de mais, parabéns pela prova! Pela descrição, deve ter sido bem dura... Mas deve ter valido pela paisagem :)

    A imagem que transmites é que foram uns dias muito animados, muito bem passados, com um excelente ambiente e, para mim, é isso que a corrida deve ser!

    Fiquei com uma vontade gigante de lá ir para o ano!

    Continuação de bons treinos e as melhoras do joelho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita e pelas simpáticas palavras. Não considero a prova muito dura, tem a sua dureza e são sempre 40 e muitos km ... mas és anestesiado pelas paisagens de tal forma que te distrais o que torna a coisa mais fácil de se fazer.
      Se puderes ir vai ... não te arrependes. Se puderes ir com um grupo divertido e aproveitar o que a Ilha oferece então ainda melhor.
      O joelho ainda está a dar trabalho ... não corro vai para semana e meia, mas está a melhorar.
      Boas corridas para ti tb :)

      Excluir
  4. Assim, sim, deve mesmo valer a pena!

    A trabalheira que vocês tiveram no photoshop.

    Se tivessem ido passear é que era!

    As melhoras para o joelho, tens a certeza que não partiste nada?

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu cada segundo, mesmo os em que não consegui dormir por causa da "máquina roncadora" que dividiu o quarto comigo ;)
      E sim, dá trabalho a cena de trabalhar as fotos, mas como já tenho muita experiência a coisa até se vai fazendo bem.
      O joelho tá melhor mas ainda vai precisar de mais uns dias - ver se 2ª feira regresso, mais de duas semanas parado - já estou a ressacar.
      Abraço

      Excluir