segunda-feira

lá vamos andando por aí.....


Ando bem melhor do meu problema no pé direito – não me tem doído mas tb tenho que dizer que não tenho feito (quase) nada.

A semana passada foi mesmo muito dura – corri a Alemanha de lés a lés, fazendo um périplo pelos meus clientes mais importantes – no total fiz quase 3.000km de carro – a nível de trabalho correu bem, mas houve pouco tempo para correrias ou caminhadas.

Depois da caminhada relatada no meu post anterior, estive até 5ª feira sem fazer mais nada – não houve tempo. Até foi positivo, pq assim dei descanso ao corpo e as dores da perna direita praticamente desapareceram. Na 5ª feira levantei-me cedo para dar uma caminhada – equipei-me como se fosse para correr e lá saí a caminhar pelos campos fora…. comecei logo a pensar em correr, mas consegui refrear os ânimos até ao km 1,5….não me doía nada e pensei….vou correr só um bocadinho, só para experimentar…e lá comecei timidamente a dar umas passadas de corrida, devagar com mil cuidados a colocar o pé direito no chão…..afinal isto não está muito mau, sentia um pequena impressão mas lá fui andando.....não demorei muito a esquecer-me do meu problema e lá andei uma hora que me soube mesmo muito bem, feliz da vida por ter corrido novamente e por não ter tido nenhuma recaída.

No fim do dia, cheguei ao Hotel em Mainz….mesmo em frente ao Hotel o rio Rhein, excelente tempo e montes de gente ao longo das margens….deitados nos jardins, sentados em bancos, no chão onde calhasse lá estavam pessoas em grupos a socializar…eram de todas as idades e estilos, bebiam, dançavam, cantavam ou simplesmente conversavam….montes de gente a passear e claro, a correr. Digo-vos que quando vi aquilo só me apetecia calçar as sapatilhas e galgar por ali fora….só não fui porque já tinha corrido de manhã, e não queria forçar (ainda mais) a minha perna doentinha. Táctica usada….vou jantar, pois com a barriga cheia o meu sentido de responsabilidade diz-me que não posso correr….e assim foi. Depois de uma bela massaroca italiana, regressei ao Hotel, lancei um olhar pela janela sobre o rio e pumba…equipei-me e fui……caminhar 1 horita – maravilha. Decidi durante a caminhada, que me iria levantar cedo no dia seguinte para aproveitar aquela zona e dar uma corrida.

No dia seguinte assim fiz, levantei-me cedo e lá fui correr nas margens do Rhein…11kms, lentos ao inicio, mas gradualmente a subir de ritmo (queria testar-me)….que preso que estou, uma lástima…pelo meio fiz 6 rampas e um ou outro km a 4,30min/km. No fim estava estafado mas feliz, por correr e por não me ter ressentido da lesão.

Não sei se foi do treino, mas andei sábado e domingo cansado e decidi não correr mais vez nenhuma – não me apeteceu. Se por um lado não tenho grandes objectivos nas próximas semanas, por outro ainda estou receoso em relação a esta dor que me anda a importunar.

Estou decidido a ir ao fundo da questão e tenho já marcada uma consulta na minha médica para amanhã – vou-lhe pedir para fazer exames – é que é já a 3ª vez que isto me dá, desaparece e passado algum tempo volta – e desta vez foi com mais intensidade que das outras.

Esta semana vou tentar correr umas 3 vezes, sem exagerar demasiado – se não me ressentir, estarei presente na Corrida de S.João no Porto no próximo domingo para correr os 15km – antes da lesão o meu objectivo era fazer 1h02-1h03 (o meu actual recorde na distância é 1h08 qualquer coisa), mas agora já não – se puder participar, quero é chegar ao fim sem problema de maior. Esperemos que sim!!!

10 comentários:

  1. Ainda bem que a coisa está melhor mas fazes bem em ir ver o que se passa aí. Que não seja nada!

    Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado João. Aquele abraço.

      Excluir
  2. Ainda bem que tudo está a melhorar mas um consulta médica é sempre bem vinda para avaliar a situação e não haver lesões mal curadas que podem degenerar em crónicas!
    Eu já não tenho esse problema porque o esqueleto já está tão velho e empenado que no dia que for correr e não me doer, pelo menos, meia dúzia de "peças" é porque morri e estou no céu ou no inferno (inclino-me mais para a segunda possibilidade!)
    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ontem corri maravilhosos 10km sem qualquer problema fisico, mas isso não invalida que vá na mesma investigar a "coisa" até ao fim - é já hoje a consulta no médico.
      Quanto ao inferno, e se for lá mesmo parar como prevê, não vejo qualquer problema, pois já está habituado a correr por essas bandas - isto a tirar do que tem escrito no seu blogue - aínda no último texto sobre o Cross da Serra do Açor fala nisso mesmo....mas há-de sempre aparecer uns "Anjos" para dar uma mãozinha.
      Abraço e boas corridas

      Excluir
  3. Ainda bem que estás a melhorar. Não tarda nada já estás bem.
    Boa corrida de S.João, o mais importante é desfrutar.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Há qualquer coisa de especial quando corremos em sítios diferentes longe de casa. Principalmente quando é no estrangeiro (até pareço o Socrates). Só ficou a faltar umas fotos a acompanhar para nos encher de inveja! As melhoras e boas corrida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não levei o telemóvel, por isso é que não há fotos desta vez.
      Aquele abraço e boas corridas

      Excluir
  5. As melhoras Carlos.
    Esperemos que não seja nada de grave.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vitor. Treinei 2ª e ontem e nada de dores o que é bom.
      Abraço

      Excluir