segunda-feira

A S.Silvestre do Porto 2014 do "José"


Pouco passa das 16h e já estamos a estacionar nos Poveiros….porreiro pá…este ano viemos um pouco mais cedo para evitar a confusão do ano passado e funcionou na perfeição. Pronto…já nada pode correr mal J

Pego no telemóvel e tenho uma sms…é da minha mãe…”Deixaste aqui o teu número…” ….”Foda-se…não acredito !!!” …fiquei com um melão do tamanho da Avenida dos Aliados…como todos os domingos, almocei em casa dos meus pais e equipei-me lá…e deixei o saco com o dorsal na cozinha!!!....porra…e agora? Não dá tempo para ir e voltar…só tenho duas alternativas…não correr ou então usar o dorsal do Zé Miguel que à última da hora não pode vir…liguei com ele e pouco depois estava decidido… seria a primeira vez que eu iria correr com o dorsal de outra pessoa, e para ser sincero, a ideia não me agradava muito, apenas pelo facto de não saber que implicações poderia ter a nível do seguro, caso algo corresse mal…mas empolgado por uma das minhas provas preferidas e obrigatória, hoje seria o José J

Comigo estava o meu Pai, que iria à caminhada tal como no ano passado. A minha mãe, tb inscrita, decidiu-se à última hora por não ir…não se sentia a 100% e preferiu não arriscar a apanhar frio – fica para o ano. Do CAL mais uma participação em massa, com a particularidade de a esmagadora maioria não ser o pessoal habitué das corridas…muitas atletas mais recentes, o que é bom J Cafézinho, casa de banho, fotografias tradicionais junto à árvore, casa de banho, aquecimento, casa de banho…J
..apenas uma parte da equipa do CAL...
Xô Zacarias...duas gerações dos Cardosos...fez a caminhada com uma perna às costas e diz que fazia a corrida...desafiei-o para fazer a corrida em 2015 e se ele vier fazemo-la juntos...
...com o Américo que tb fez um excelente tempo...
…pelo meio pude finalmente conhecer o Paulo Sousa pessoalmente…conhecemo-nos através das redes sociais à já algum tempo, nutro de uma especial simpatia por ele, pela forma como encara as corridas, e até à data nunca tínhamos tido a oportunidade de nos vermos em carne e osso e de falar um pouco…foi ontem - falta a foto que colocarei aqui logo que a tenha J

Depois um aquecimento ligeiro com o Américo (ca.2 km), onde me senti bastante bem, levezinho….do treino de 6ª feira nem sinal J ...pouco depois estávamos a entrar na zona de partida do Grupo A (sub-40), junto ao café Guarani…impressionante a moldura humana…cada vez gosto menos das grandes provas, com muita gente…mas a S.Silvestre do Porto é especial…à noite, com o Porto iluminado e o espirito de Natal embutido na grande parte das pessoas a São Silvestre torna-se uma festa e uma bela e obrigatória excepção para mim...
 

…ali estava eu, para dar o máximo…o percurso desta prova aliado à multidão de participantes, faz com que não dê para pensar em recordes pessoais, pelo menos para quem já chegou a um nível muito perto do seu limite (40,29 é o meu recorde pessoal aos 10km) como penso ser o meu caso. No ano passado tinha conseguido fazer 40,56, mas puxado por uma lebre de luxo como é o caso do Filipe Fontes. Seria possível chegar perto ou até melhorar esta marca? Veremos…

Pouco depois deu-se a partida, demorei apenas ca.1minuto e 20 segundos a passar o pórtico da Partida…o problema é que só se consegue correr a trote, sempre a olhar para o chão e com as mãos nas costas do da frente para evitar quedas … é assim até ao fundo da Avenida dos Aliados onde por norma o pelotão afunila à esquerda para fazer a curva…eu prefiro ir pela direita, onde existe mais espaço e posso aumentar o ritmo…mas é sol de pouca dura, pq mais à frente junto ao Teatro Sá da Bandeira já vai tudo compacto e “lento”…começa a famosa subida até ao Marquês e muitos dos corredores que ali vão entram já em dificuldade…muitos deles estão deslocados, por falta de experiência e inebriados pela euforia exageraram logo ao inicio e começam logo a pagar o preço bem cedo…eu vou bem, sinto-me leve e subo a bom ritmo…o problema são as ultrapassagens, constantes travagens, enfim, nada de novo…já levo uns anitos disto e não me deixo stressar….aproveito um ou outro passeio mais livre para embalar e chego ao Marquês (2km) com uma média de 4,39min/km…estão a ver porque digo que isto não dá para recordes…ou será que dá??? …tudo o que sobe desce e até ao 7km é feito por ruas e ruelas do centro do Porto, com muito mais descida e planos, sendo a maior dificuldade algumas zonas de paralelos….aqui arrisquei muito e andei sempre  abaixo dos 4min/km e senti-me bem…a média baixava de km em km, e passei os 5km aos 20,50min, ou seja, 4,10min/média…será que??? …comecei a sentir que poderia lutar por uma marca muito próxima do meu RP, embora soubesse que os últimos 2km são duríssimos…pouco depois do km 7 entrasse no Túnel de Ceuta…descida ingreme feita quase à velocidade máxima para ganhar lanço para os 300m de subida ingreme para voltar a sair do Túnel…é a primeira vez que em média fico próximo do meu RP…4,03min/km…aqui já vou com as pernas pesadas…bora…luta até ao fim…a subida para sair do Túnel é uma luta muito grande, entro em dificuldades e perco algum ritmo o que é normal…à saída do túnel 4,05min/km de média…acho que o RP já foi mas deve dar para recorde da prova…recupero um pouco a descer até aos Aliados…muito público de um lado e do outro da estrada…volto a baixar os 4min/km mas em grande esforço…novamente a subir pelo Teatro Sá da Bandeira até à Praça D.João I…aquilo não sobe muito, mas com o esforço já despendido acreditem que parece um Elevador…o ritmo baixa ligeiramente….9km…ainda acredito e volto a forçar um pouco mas essa força dura apenas até voltar a entrar em sentido ascendente na Avenida dos Aliados….espectacular a quantidade de pessoas a assistir que formam um corredor humano por ali acima…é pena estarem tão calados…já não tenho força para subir aquelas centenas de metros até à Trindade…o ritmo baixa….o RP já se foi, mas vou ficar perto…quando damos a volta junto à estação de metro da Trindade ouço um outro atleta a dizer “já vou com mais de 10km…”, olho para o meu relógio e tb eu vou já a bater nos 10km…”????”….não ligo…agora é a descer e mando-me por ali abaixo como se não houvesse amanhã…luta com um ou outro atleta que vão ali como eu, uns passam, outros são passados…e corto a meta a grande velocidade (o meu relógio marca 2,57min/km de pico…incrível para um Perneta J)…41,24min foi o tempo de chip…excelente marca para a S.Silvestre do Porto.
...é Perneta é Perneta mas ainda faz umas graçolas...o pior é se mandar um tralho...não há quem o consiga voltar a por direito J

..não levava objectivos concretos, mas durante a corrida cheguei a acreditar que seria possível fazer um brilharete…não deu para recordes, mas mesmo assim fiquei mesmo muito satisfeito pela forma como a corrida se desenrolou…em provas foi o meu 3º melhor tempo de sempre aos 10km…nada mau J …os primeiros 2km a subir desgastam, e embora os km do meio sejam mais “fáceis” obrigam a andar mais do que o normal para recuperar tempo perdido, o que tb desgasta de uma forma que depois falta a energia para as subidas finais dos últimos 2km…quanto à distância o meu relógio marcou 10,21km (aos 10km passei com 40,48min)…pode ter a ver com o facto de eu fazer muitas curvas por fora para fugir à confusão, embora duzentos metros me pareça muito…tb isso agora não interessa nada J

Acabaram 8786 atletas e aqui o "José" J ficou em 500 (certinho)…corresse eu como Carlos Cardoso, a posição na geral seria exactamente a mesma, mas no meu escalão teria ficado ali por volta do 80º lugar entre 1233 “velhotes” que chegaram ao fim…nada mau para um Perneta J

Mais uma bela S.Silvestre do Porto, mais uma grandiosa festa bem organizada pela Runporto, e mais uma bela de uma Medalha para a colecção J...até para o ano...

Venha a primeira edição da S.Silvestre de Espinho…

19 comentários:

  1. o meu relógio também marcou mais... mas deve ter sido por causa das constantes manobras de um lado para o outro da rua sá da bandeira na subida para o marquês... juntando a isso a perda de sinal de gps no tunel...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já mais alguns colegas meus tb marcaram mais umas centenas de metros...mas isso agora não interessa nada. Obrigado pela visita e pelo comentário. Bom Ano para ti. Abraço

      Excluir
  2. Até fiquei sem fogo!
    Que relato!
    Já parece um vídeo que meti no blogue de uma São Silvestre de São Paulo relatada por um brasileiro ao jeito que eles relatam o futebol!
    http://ultkm.blogspot.pt/2009/12/as-corridas-de-sao-silvestre.html
    Adoro estes teus relatos!
    Está cá uma maquina!
    Abraço e bom ano!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Os brazucas são loucos :) ..obrigado. Aquele abraço e Bom Ano para ti e para os teus.

      Excluir
  3. Tomara eu ser perneta como tu ;)
    Parabéns pelo grande tempo!
    E um excelente 2015 para ti e para a tua família! Que em 2015 vás mais além! Força para os 100!!!!!!!!! BORAAAAAAAAAAAAAA!!!! =)

    Beijinhos Carlos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe...obrigado. Para ti e para os teus um grande 2015.
      Beijinhos

      Excluir
  4. Fogo! Grande tempo! Quem me dera ser um perneta assim... Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha outro que gostava de ser Perneta :) Obrigado. Aquele abraço

      Excluir
  5. Temos pena, mas esses 2'57 foi o José, não foste tu. ;)
    Concordo contigo, as São Silvestre têm um ambiente especial.
    Parabéns pela prova, grande Zé! :P E um óptimo ano 2015.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é...azar do caraças :) Obrigado e um Bom Ano para ti tb.
      Beijinhos

      Excluir
  6. José, o quanto eu te admiro!!! Tu és um verdadeiro maquinão! És do género de um Ford Mustang. Salta de alegria no arranque e apaixona todos os amantes da corrida durante o percurso!!! Obrigado por mais uma bela partilha :) Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. :):):) obrigado campeão. Aquele abraço

      Excluir
  7. Granda Zé Fosga-se!

    Estás em grande forma e o recorde vai acabar por cair um dia destes! Afinal de contas, ainda és um gajo novo pá!

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser que seja já no próximo sábado...Obrigado. Abraço

      Excluir
  8. 41.24... mas que grande Perneta!!! :)))
    Espectacular tempo e espectacular relato.

    Reitero os meus desejos de excelente 2015 para toda a família Cardoso (de 2 pernas e 4 patas!)

    Um abraço e continua a voar... mesmo auto-apelidando-te de "perneta"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado João. Para toda a família Lima um grande 2015.
      Grande abraço

      Excluir
  9. Grande Zé! Epah partiste com dorsal sub40 e mesmo assim demoraste um minuto e meio a passar o pórtico? Que estranho.. Eu parti nesse mesmo bloco da SS de Lisboa e demorei 7 segundos! Como é que eram as acreditações para partires nos blocos? Em Lisboa pediam um comprovativo de uma prova sub40 no ultimo ano, se calhar por isso é que não estava assim tanta gente. De resto, cada vez percebo melhor a embirrancia com provas grandes, mas estou como tu, a SS é especial. E o melhor de tudo é a jantarada que se segue com amigos que não viamos há muito, incluindo emigras eheh Parabéns Zé! O sub40 não vai tardar de certeza! Bom ano!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O problema é que não existem acreditações...chegas lá e dizes que queres partir do Bloco A e tá feito...mais de metade que lá estava não tinha tempos para isso...tal como eu que nunca baixei dos 40. Obrigado e Bom Ano para ti e para os teus.
      Abraço

      Excluir
    2. Pois, assim é complicado.. Na de Lisboa mesmo o pessoal que tinha dorsal sub50 partia muito bem, junto com a elite! Tinha era que apresentar o tal comprovativo.

      Excluir