segunda-feira

Pelos Alpes austríacos e não só....


Esta semana estive em trabalho pelo sul da Baviera e pela Áustria. Percorri quase 2.000km de carro, uma grande parte deles por auto-estradas que se entranham por zona de espectacular beleza natural, sendo o expoente máximo os Alpes austríacos. Tive a sorte de apanhar bom tempo, que me permitiu contemplar aquelas imponentes maciços montanhosos, infelizmente só de cá de baixo (que é como quem diz, as estradas e os vales estão muitas vezes bem acima dos 1000m de altitude).
Fotografia
Fotografia
Fotografia

Desde que descobri o “Trail”, sempre que vou a algum lado dou comigo a tentar descobrir caminhos por entre as paisagens com que me vou deparando, imaginando-me a percorrer aquelas zonas. Estão a a ver-me a semana que passou, a imaginar-me horas a fio, de mochila às costas, a serpentear entre prados verdejantes, atacando subidas nas rochas quase verticais, atravessando aquele manto branco bem “fofinho” para atingir aquele cumes. Sei bem, que não chegava lá acima, mas um homem pode sonhar, e nos sonhos chego lá J

Pois, mas voltando à realidade, nem lhes toquei….nas montanhas dos Alpes. Isto não quer dizer, que não tenha corrido…até aproveitei bastante bem esta semana, tendo arranjado motivação para correr ora à noite, ora de manhã bem cedinho, talvez motivado pelas bonitas cidades onde ia pernoitando:

2ª feira – zerinhos…foi dia de madrugar, viajar até Munique, trabalhar e fazer uma viagem de carro até Salzburgo.

3ª feira – levantei-me cedinho e lá fui eu fazer uma corridinha junto ao rio Salzsach….tudo muito plano….à medida que me aproximava do centro da cidade fixava-me cada vez mais no Castelo imponente, construído em cima de uma serra – já o visitei à uns anos valentes (talvez uns 15). Subir aquilo é que era!!! E se fosse a correr? Acabava de encontrar o desafio que precisava para este treino….aquilo não ia ser fácil, mas ia decidido. Porra….ao fim de poucos metros o plano fica mesmo muito inclinado, e enquanto que a passada começa a reduzir (quase a passo de caminhada) a frequência cardíaca dispara…o coração parecia que ia saltar-me da boca a qualquer momento…mas eu vou conseguir, e lá ia eu, no inicio da “empreitada”, feito parvo por ali acima já mais morto que vivo….só para terem uma ideia, os turistas vão de teleférico…ia em grande sofrimento, quando sensivelmente a meio dou de frente com o portão de entrada da Muralha fechado??? Não tinha alternativa….YEEESSS!!! SALVO!!!! J ….gostava de ter ido lá acima a correr, provavelmente não ia aguentar (ou talvez sim), mas já tinha valido a pena, mais que não fosse pq acabei de descobrir uns caminhos, sempre pelo alto da serra ao longo da cidade de Salzburgo, e que ligam alguns monumentos e palacetes antigos. Isto deu-me oportunidade de contemplar a paisagem e tirar algumas poucas fotos. Foi pena ter pouco tempo disponível, pq tinha ali muito para descobrir. Foram ca. 1hora de treino e pouco mais de 10km.


Fotografia
Fotografia
Fotografia
Fotografia
Fotografia
Fotografia
Fotografia

 4ª feira – chegamos a Insbruck (no Tirol) ao inicio da noite, estava um tempo desagradável de chuva, estava cansado e a zona onde o Hotel se encontrava era uma zona industrial, nada convidativa a corridas . Para ser sincero, a vontade de correr era pouca, mas decidi-me a ir fazer uma perninha ligeira e arrastei o meu amigo Marco. Lá saímos do Hotel, sempre ao longo de uma estrada principal com algum transito até que demos com uma ponte, e um rio por baixo…ao longo do rio, em ambas as margens uns passeios iluminados, ideais para correr. Maravilha…aquela zona era ideal para umas series…ficou ali decidido que na manhã seguinte iria regressar aquele local para umas series. Fizemos 40 minutos, e pouco mais de 7km

5ª feira – tal como planeado, eram 6.30h da manhã e andava eu ali nas margens do rio Inn a fazer series de 1000m. Já não chovia e estava fresco…ideal. Foram apenas 4 series, todas feitas entre 4-4,05min/km. Fi-las bem (total mais 10,3km), mas já estive em melhor forma, mas isto vai ao sitio J

Ao fim do dia, depois do trabalho cheguei ao Hotel a Munique. Tinha cerca de 1h30 até ao jantar, o tempo estava óptimo e as pernas frescas…lá me equipei e fui até ao “Englischer Garden” aconselhado pelo rapaz da recepção. Este Jardim é o equivalente ao “Parque da Cidade” no Porto, uma espécie de pulmão verde da cidade. O problema é que quando lá cheguei (fui a correr) já estava escuro e não deu para contemplar nada….mesmo assim, e munido do meu frontal, ainda andei ali às voltas antes de regressar ao Hotel. Mais 11km numa hora.

Treinos bi-diários??? Viva o luxo J

6ª feira – dia de regresso a Portugal e nada de treino.

Sábado – dia dedicado à família – treino = zero

Domingo – 16km (ca. 2 horas) com uma malta amiga pelo meu quintal. Fomos fazer o 1º percurso dos Trilhos do Perneta, que terá ca.10km e 400m D+. Gostei muito, o tempo passou a voar…
Fotografia

E com isto fiz 55km….pensava poder fazer mais uns 10, mas não foi possível. Mesmo assim os que fiz foram bem-feitos, com series e alguns bons desníveis pelo meio.

Esta semana o objectivo é treinar novamente umas 5 vezes e fazer 60km. Ponto alto, será no fim-de-semana voltar ao meu quintal, para fazer as ligações entre percurso 1 e 2 dos Trilhos do Perneta.

18 comentários:

  1. Muito bom, cada vez mais acumular experiencia internacional....hehehehe
    Bons treinos, para o Paleozoico...
    Abc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Tb vais ao Paleozóico?
      Abraço

      Excluir
  2. Carlos este blogue ainda tem que ganhar algum galardão turístico! O que se aprende por aqui e as belas paisagens que se vêem!
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é que era..hehehe...
      Viajo em trabalho à quase 20 anos... "conheço" muito mais dos países e das cidades em que passo desde que comecei a correr (apenas 4 anos)...o que eu andei a perder.....
      Abraço

      Excluir
  3. Ohhh Carlos tu andas sempre por locais lindíssimos!!! Que sorte!!! Quando for grande também quero ehehhe :D

    E que bela semana de treinos hein!!

    Beijinhos e bons treinsos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim...tenho essa sorte, mas vou em trabalho....para correr tenho que o fazer fora de horas, mas que não custa nada...como é que se diz "quem anda por gosto não cansa" :)
      Beijinhos e boas corridas

      Excluir
  4. É uma zona que gostava de conhecer, deve ser bem bonita. És um sortudo por poderes treinar por locais desses! Essas montanhas tão lindas... :)
    Também fizeste um belo exercício de rampA na subida ao castelo... ihihi.
    Esse teu Trilhos do Perneta vai lá vai!!! 400D+ em 10km?? Não fazes as coisas por menos... Nice. ;)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bonito...só é pena ter tantos austríacos :)....são um povo um bocadinho para o "nariz empinado"...embora tenha dizer, que nesta zona até nem são mau de todo, se fores mais para leste em direcção a Viena é que a coisa fica insuportável.
      A rampa deu luta e valeu bem a pena. Quanto aos Trilhos do Perneta, os primeiros 10km estão muito bons, modéstia à parte...é que tem de tudo...escalar uma parede de pedras, descidas em single-tracks, passar um rio e molhar os pés, subidas de nos tirar a respiração e que nos obrigam caminhar (curtas), passar uma ponte de 4 para não cair ao rio, lama (por enquanto) e tb zonas planas e corriveis por entre trilhos na natureza....tudo isto em 10km...ideal para quem nunca fez trail e se quer apaixonar :)
      Beijinhos e boas corridas

      Excluir
  5. Qualquer dia conheces todos os locais bons para correr pela Europa fora e nós ficamos aqui com uma enciclopédia! :)

    Ainda hei-de ver os Trilhos do Perneta como prova oficial :)

    Um abraço e continuação de bons treinos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uiii...à custa da corrida já andei por sítios onde nunca imaginaria...mas ainda existe tanto para conhecer...tb ainda sou "jovem", ainda tenho tempo :)
      Trilhos de Perneta como prova oficial? Não me parece....é que já assim dá trabalho, e o organizador gosta é de correr tb, e nas provas é vê-los ali sentadinhos a assistir...não me parece :)
      Abraço Campéon!!!

      Excluir
    2. Essa das organizadores não correrem lembrei-me de uma amigo meu que organizava (e organiza) provas de trail quando tudo isto começou (meio da década de 90 ) e chegou a ser o organizador da prova e correr a mesma (e corria bem!). Era cortar a meta e ir elaborar as classificações! E também tenho outro amigo que deu o tiro de partida de uma prova, foi a correr entregara a pistola (de alarme é claro!,,,) e toca a fazer a prova! Outros tempos!

      Excluir
    3. Acho que já te disse (pelo menos umas 20x ..hehehe) que adoro estas histórias dos primórdios das corridas...acho que tudo era bem mais "saudável"...acho que me entendes :)
      Eu dar o tiro de partida e depois chegar e ir elaborar as classificações não dá....os primeiros tinham que esperara muito tempo que aqui o Perneta chegasse à meta...lol
      Abraço Jorge, e um dia hei-de ter oportunidade de ouvir essas histórias contadas por ti, mas ao vivo e a cores :)

      Excluir
  6. Isso é que é luxo companheiro, uma viagem a esse lindo país e com paisagens bem fixes para realizar um trail bem duro!!! Ainda por cima uns belos treinos...Fogo que estou com inveja quem me dera...bem tive que ir a Sicó dar uma perninha (e o joelho, que tralho!)
    Fica bem e muitos e bons klms...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inveja da boa espero eu.
      Abraço e as melhoras para esse joelho.

      Excluir
  7. Isso é o que se pode chamar de um luxo, poder correr por locais desses.

    Voto nos Trilhos do Perneta para Prova Oficial. Faz-se um franchise, delega-se o trabalho, dá algum rendimento e ainda se pode fazer a prova.

    Continuação de bons treinos.

    Fernando Varela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que não...os Trilhos do Perneta e outros que tal que a malta organiza, tem apenas como finalidade passar um bom bocado entre amigos..."cumbibio" :)
      Um organização de prova oficial iria desvirtuar a coisa...e aliás, já existem tantas e tantas boas provas de trail que eu nem sei para que lado me virar.
      Obrigado, aquele abraço e dá-lhe com força...toca a colocar km nessas pernas

      Excluir
  8. Bem essas paisagens são fantásticas! Quem me dera puder correr por sítios desses. Um abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São...é verdade...mas temos em Portugal sítios fantásticos para correr.
      Abraço

      Excluir