segunda-feira

Quem diria....


Quem diria que uma depois de uma semana “5 estrelas”, não tivesse vontade e motivação para correr?

Neste momento estou sentado no lugar 25 D, de um voo da Lufthansa em direcção à Alemanha para mais uma semana de trabalho. Se tudo correr como planeado na 6ª estarei de volta. Ia aqui envolto nos meus pensamentos, a matutar nas minhas corridas da semana que acabou ontem. Somos mesmo estranhos…

Na semana em que estive na suiça, tinha tido a tal semana “5 estrelas”, em que treinei 6 vezes de forma variada, fiz mais de 80km, sempre a recuperar bem e motivado. Tinha tudo para andar nas nuvens e dar sequência ao “trabalho”, mas não….

2ª feira – não apeteceu calçar as sapatilhas…”tiveste uma semana em cheio, mereces um dia de descanso”.

3ª feira – dia de aniversário do meu mano….”deixa lá, esta semana é para reduzir km..amanhã tb é dia”.

4ª feira – surge isto e aquilo que não estava previsto, entretanto já são 21.30h…”hmmm….não me apetece mesmo nada…se treinar 5ª, 6ª, sábado e domingo chego aos 50km previstos….amanhã dou-lhe forte”

5ª feira – “hoje não escapa….logo à noite 15km de Fartlek”….chego a casa do trabalho, coloco o equipamento de treino em cima da cama (uma espécie de lembrete)….”vou daqui a 10min”….”daqui a meia hora é que é…”, ….”às oito é mesmo”…..”xiii, começou a chover a sério e está vento…não vou lá para fora assim, ainda fico doente e lá se vão os Abutres”….quando a vontade é pouca, arranjamos todas as desculpas e mais algumas. Janto e sento-me no sofá a ver tv….mas a consciência está pesada….depois de uma luta interna terrível, lá me decido a ir até ao tapete (gosto tanto, então quando não tenho vontade é que gosto mesmo…). Já em cima do tapete….”e agora, o que fazes?”…decido-me por um Programa de subir “uma Montanha”, que faço de vez em quando, é durinho e não é monótono. Vamos lá….40 minutos a subir…mas mal o tapete começa a rolar debaixo dos meus pés, aquela motivação “forçada” de subir esta montanha vai-se, e passo os 40 min a baixar a inclinação para zero sempre que o programa da maquineta a inclina para cima….mantenho um ritmo mais ou menos estável de 5,45min/km e levo aquele martírio até ao fim com ajuda da música do meu i-pod. 7km a rolar…fonix….custou, mas sempre é melhor que nada….”amanhã vai ser melhor….”.

6ª feira – “é hoje o dia dos 15km de Fartlek”…chegado a casa do trabalho, alguns imprevistos de última hora em casa como sempre…a vontade não é muita….não chove, não há desculpa….mas vou empatando tempo, chegando ao limite da janela de tempo que tenho para sair de casa e ir correr….”pronto…vou, tem mesmo que ser, mas não faço os 15km, vou fazer 10km rápidos”…e assim foi, saí de casa e logo tentei imprimir um ritmo mais forte desde início, tudo bastante forçado. Os primeiros 5km não foram fáceis…dói aqui, dói ali…impressionante, quando a vontade é pouca sentimos todas as pequenas mazelas….mas depois do retorno a coisa melhorou significativamente e entrei na normalidade…bom ritmo, passada solta sem grandes dificuldades…no fim deu 11km a 4,33min/km, num percurso que não é fácil. Bem bom…amanhã faço um treino de recuperação.

Sábado – o sábado é dia dedicado à Maria. De manhã vou com ela ao Yoga, à tarde à catequese…tanto uma coisa como outra demoram ca. 1hora…ideal para um treino descontraído…enquanto ela está nas coisinhas dela, eu posso usar aquele tempo para correr, não é? Não, não é…pelo menos este sábado não foi. De manhã não me apeteceu e de tarde tb não…tá mesmo difícil. Mas domingo vou fazer 22km – e porquê 22km perguntam vocês? Porque assim faz 40km nesta semana e dá um nr. redondinho.

Domingo – o volte-face….acordo e o tempo está óptimo, frio mas sol…ideal para correr. Tenho 2 horas disponíveis. De véspera tinha preparado o equipamento, incluindo a mochila. Estranho…a vontade de correr está de volta J …. Tinha planeado fazer um misto de alcatrão e trilhos…queria explorar 3 situações (dois trilhos e uma fonte) que encontro no meu dia-a-dia (passo pelas zonas no percurso de carro para o trabalho ou quando estou a treinar na estrada) mas que não conhecia – entre eles a ligação seria por alcatrão. Mas não foi…acabou por ser uma corrida com rumo mas sem rumo…confuso? Á medida que ia avançando ia decidindo que rumo tomar, quase sempre por trilhos novos para mim, tentando tomar a direcção dos sítios que queria explorar….e não é que funcionou quase na perfeição. Sobre isto farei um “poste” à parte…a situação merece. Só vos digo que foram 2h20min no meu quintal (não andei mais do que 3 a 4km  afastado de casa), “apenas” 20km mas que souberam a 100km e ao mesmo tempo souberam a pouco…se pudesse acho que ainda hoje lá andaria. Quem diria que uma semana destas acabaria assim?...estou de volta J

Venham os Abutres….

14 comentários:

  1. Só quem não é atleta é que poderá não compreender estas situações :)

    Boa viagem!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  2. Realmente, faço das minhas palavras as do João Lima, e como se costuma dizer: " Há mais marés, que marinheiros."
    Boa semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado. Boa semana para ti tb. Abraço

      Excluir
  3. Ora todos temos essas "broas" nos dias de treino... as chamadas desculpas da treta eheheh :) acontece a todos... mas ainda bem que já passou :D

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Sim a mim também já tive dias que não apetece nada correr (poucos felizmente) e como já passou deu para relaxares um pouco e agora que a vontade está de volta é isso que interessa...Força ai para o trilho dos Abutres e já sabes faz um relato á maneira da prova que é para o pessoal desfrutar!
    Abraços campeão e bom Trail dos Abutres!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Carlos...vamos lá ver como corre...estou confiante e descontraído. Sem stress. Quanto ao relato depois logo se vê como sai :)
      Abraço

      Excluir
  5. Pois há vezes há semanas assim!
    Eu estou, infelizmente, desempregado e podia treinar (ou melhor correr que treinar é outra coisa) a qualquer hora. Até podia agora no inverno ir mais tarde e fugir do frio.
    Mas o certo é que ou salto da cama e vou correr ou perco a vontade!
    Assim dou comigo, feito maluco, a correr assim que se vê alguma coisa o que aqui, agora, da lá pelas 7:15 como se tivesse um dia ocupado pela frente!
    Já tive alturas que treinei de tarde, e muito, por questões profissionais mas se puder gosto mesmo é de despachar a corrida logo ao levantar.
    Mas o melhor que tive para não falhar treinos foi quando metia o treino no percurso entre a estação de comboio e a minha casa! Já sabia que se me desse a preguiça não me escapava de caminhar meia hora até casa por isso o melhor era mesmo correr! :) Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que venham melhores dias para os teus lados. E fazes bem em continuar a levantar cedo e a correr de manhã....quando estou de férias, ou ao fim de semana, tb costume correr de manhã.
      Abraço

      Excluir
  6. É bem comum acontecer ... Meu carinho.

    ResponderExcluir
  7. Ó se sei... Essas "telhas"... Acabo de sair de uma assim, como bem sabes...
    Mas, olha, isso passa que é um instantinho! :)))

    Go, go, Carlos, go!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já passou ;)
      Go, go Anabela, go!!!

      Excluir